O Município da Nazaré procura fazer a sua parte na redução de resíduos, reutilização e na reciclagem, os já famosos 3R. Para tal em todos os seus edifícios existem ecopontos. Em todas as actividades que leva a cabo, seja em edifícios, na praia ou noutro local do concelho tem sempre o cuidado de colocar ecopontos, prova disso são os ecopontos existentes na praia.
Alem disso tem o cuidado na aquisição de produtos, do seu impacto ambiental, prova disso foi a recente aquisição de estrados para o areal, que são feitos de plástico reciclado, em vez de utilizar materiais retirados da natureza.
As Actividades de Educação Ambiental que levamos a cabo, seja nas escolas seja na praia, tem sempre uma forte componente de sensibilização para este assunto.
Os resíduos que não são reciclados vão para o aterro, os reciclados ganham uma nova vida. Todos temos de ajudar.

Como sabemos, a reciclagem só é possível se, em casa e no trabalho, fizermos a separação dos resíduos e os colocarmos nos ecopontos.

Depois de colocados nos ecopontos, os materiais vão para as Estações de Triagem onde é efetuada uma seleção mais rigorosa.

Uma vez feita a triagem, o lixo é compactado e enfardado por tipo de material, sendo posteriormente transportado para as Empresas Recicladoras.

Nestas o que antes era lixo, passa a ser um novo produto, ganha uma nova forma e volta a entrar na cadeia de produção.

Em vez de ir buscar matérias primas à natureza, retirando aquilo que é de todos, utilizamos o que já cá está, o que não é mais preciso.

Separar tem muitas vantagens não só a nível ambiental mas também económico.

 

Mais vantagens em reciclar:

Poupar Energia – produzir materiais a partir de resíduos consome menos energia do que fazê-los através de matérias-primas virgens. Muitos dos recursos energéticos que se poupam são fontes de energia não renováveis, como é o caso do carvão.

Economizar Matérias-Primas – utilizar resíduos provenientes da recolha seletiva, é um dos meios mais eficazes de poupança de matérias-primas virgens, como a madeira, a areia, o estanho ou o alumínio. A reciclagem do plástico contribui para uma diminuição do consumo de petróleo. A valorização das embalagens de metal permite poupar minérios. Utilizar vidro reciclado na produção de novas embalagens poupa os leitos dos rios de onde são retiradas as areias usadas para produzir este material. A utilização de pasta de papel reciclada e a reciclagem de embalagens de madeira evita o abate de milhares de árvores.

Desviar estes resíduos do aterro sanitário.

Gerar centenas de postos de trabalho em Portugal.